EXPOMEAT
É ADIADA PARA 2022

Em breve divulgaremos a nova data que está sendo negociada junto ao Pavilhão de Exposições Anhembi

Notícias

Postado em 12 de Maio às 15h51

Exportações de carne bovina têm aumento de 12% em abril

Notícias do Setor (652)
EXPOMEAT 2022 - lll Feira Internacional da Indústria de Processamento de Proteína Animal e Vegetal Conheça outras notícias do setor: www.carnetec.com.br As exportações brasileiras de carne bovina subiram 12% em...

Conheça outras notícias do setor: www.carnetec.com.br

As exportações brasileiras de carne bovina subiram 12% em abril, em relação a igual mês do ano passado, a 152,6 mil toneladas, informou a Associação Brasileira de Frigoríficos (Abrafrigo) na sexta-feira (07).
O aumento ocorreu apesar de o principal comprador, a China, ter reduzido as importações brasileiras em 9,06 mil toneladas no mês passado.

A receita total com exportações de carne bovina brasileira em abril subiu 23% para US$ 706,7 milhões.
Nos quatro primeiros meses do ano, as exportações nacionais do produto subiram 3% para 563,6 mil toneladas, com alta de 5% na receita, a US$ 2,52 bilhões.

A China, incluindo o continente e a cidade-Estado de Hong Kong, comprou 330,9 mil toneladas de carne bovina brasileira de janeiro a abril, comparado a 295,2 mil toneladas no mesmo período do ano passado.
O Chile foi o segundo maior comprador da proteína vermelha nacional neste ano, com importação de 25,7 mil toneladas, queda de 3,9% em relação ao ano passado. Em terceiro lugar, vêm os Estados Unidos, com alta de 157,6%, a 23 mil toneladas.

Em seguida, vêm as Filipinas (20,4 mil toneladas), Emirados Árabes (15 mil t), Egito (14,9 mil t), Arábia Saudita (12,5 mil t) e Israel (11, 4 mil t).

Veja também

Arroba em alta e busca por eficiência operacional elevam demanda por tecnologia na pecuária22/03 O salto na cotação da arroba do boi gordo e exigências cada vez maiores por eficiência operacional e ambiental têm favorecido um aumento exponencial do uso de tecnologia em todos os elos da cadeia produtora de animais. No campo, a ordem é aumentar a produtividade, e, ao mesmo tempo melhorar a gestão e o controle do rebanho, na chamada pecuária de precisão.......

Voltar para Notícias (pt)