09 A 11
DE novembro DE 2021

Das 14h às 20h

Pavilhão de Exposições Anhembi - São Paulo/SP

Notícias

Postado em 20 de Outubro de 2020 às 11h18

Exportações de carne para a China crescem 72%

Notícias do Setor (571)
EXPOMEAT 2021 - lll Feira Internacional da Indústria de Processamento de Proteína Animal e Vegetal Com base em dados da alfândega da China, a agência Reuters divulgou um balanço das exportações feitas até...

Com base em dados da alfândega da China, a agência Reuters divulgou um balanço das exportações feitas até o mês o setembro. O acumulado mostra um aumento de 72% dos embarques em relação ao acumulado dos nove primeiros meses de 2019. Ao todo foram 7,41 milhões de toneladas de carnes embarcadas ao país asiático.

Na análise do mês de setembro isoladamente, o volume é pouco superior ao registrado em agosto (832 mil toneladas), o que indica que houve pouco impacto da suspensão das importações de algumas plantas no exterior que tiveram surtos de covid-19 entre os trabalhadores.

Já em relação ao montante do ano, as importações de carne suína mantiveram seu destaque, chegando a 380 mil toneladas no mês passado, ante 350 mil em agosto, e atingiram 3,29 milhões de toneladas de janeiro a setembro, com aumento de 132,2% ante igual intervalo de 2019. Segundo a agência, a produção chinesa da proteína caiu 19% no primeiro semestre, ainda por causa dos problemas provocados pela peste suína africana.

As importações de carne bovina alcançaram 180 mil toneladas em setembro e 1,57 milhão de toneladas nos primeiros nove meses de 2020. O volume acumulado cresceu 38,8%. As compras de carne de frango ficaram abaixo de 275 mil toneladas no mês passado.

Fonte: Valor Econômico, adaptado pela equipe feed&food

Veja também

Instrução Normativa: MAPA - IN 66/2020 - produtos cárneos artesanais15/12/20 A MINISTRA DE ESTADO DA AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO, no uso da atribuição que lhe confere o art. 87, parágrafo único, inciso II, da Constituição, tendo em vista o disposto na Lei nº 1.283, de 18 de dezembro de 1950, no Decreto nº 9.918, de 18 de julho de 2019 e no que consta do Processo nº 21000.022995/2020-91, resolve: Art. 1º A......

Voltar para Notícias (pt)