21 A 23
DE SETEMBRO DE 2021

Das 14h às 20h

Pavilhão de Exposições Anhembi - São Paulo/SP

Notícias

Postado em 16 de Fevereiro às 10h32

Agricultura: Brasil abre mercados para carne suína, ovos e semente de arroz

Notícias do Setor (435)
EXPOMEAT 2021 - lll Feira Internacional da Indústria de Processamento de Proteína Animal e Vegetal O Brasil passará a exportar ovos, carne suína e sementes de arroz e novos países, segundo levantamento da Secretaria de...

O Brasil passará a exportar ovos, carne suína e sementes de arroz e novos países, segundo levantamento da Secretaria de Comércio e Relações Internacionais do Ministério da Agricultura obtido pelo Broadcast Agro. Foram três novas aberturas somente nos dez primeiros dias deste mês. A mais recente, possibilidade de negociar semente de arroz com a Colômbia, foi formalizada na última quarta-feira (10).

Ainda neste mês, o Camboja permitiu a importação de carne suína brasileira e produtos derivados. Também em fevereiro, o Chile liberou a entrada de ovos SPF (Specific Pathogen Free, na sigla em inglês) - que são livres de patógenos específicos - do Brasil.

No ano, a pasta contabiliza cinco ações de aberturas de novos mercados, o que significa a possibilidade de comercializar um novo produto por parceiro comercial. Em janeiro, outros dois mercados foram abertos: carne de ovinos para Arábia Saudita e tripas e bexigas bovinas para a Argentina.

Fonte: Broadcast Agro

Veja também

JBS adquire produtora europeia de alimentos de proteína vegetal20/04 Conheça outras notícias do setor: www.carnetec.com.br A JBS anunciou nesta segunda-feira (19) que adquiriu a totalidade das ações da Vivera, a terceira maior produtora de alimentos à base de proteína vegetal da Europa, por 341 milhões de euros. A aquisição inclui três unidades de produção e um centro de pesquisa e......
Importação chinesa de carne suína avança 80% em outubro26/11/20 A China importou 330 mil toneladas de carne suína em outubro, segundo dados alfandegários divulgados nesta segunda-feira (23), um aumento de 80,4% em relação ao ano anterior, já que o maior consumidor de carne do mundo......

Voltar para Notícias (pt)