21 A 23
DE SETEMBRO DE 2021

Das 14h às 20h

Pavilhão de Exposições Anhembi - São Paulo/SP

Notícias

Postado em 12 de Janeiro às 15h03

Em 5 dias úteis, BR bate em mais de 30% total exportado e faturado de carne suína em janeiro/20

Notícias do Setor (294)
EXPOMEAT 2021 - lll Feira Internacional da Indústria de Processamento de Proteína Animal e Vegetal De acordo com informações da Secretaria de Comércio Exterior (Camex) do Governo Federal, as exportações de...

De acordo com informações da Secretaria de Comércio Exterior (Camex) do Governo Federal, as exportações de carne suína fresca, congelada ou resfriada nos primeiros cinco dias úteis de janeiro teve resultados positivos frente à janeiro de 2020 e melhor ritmo em relação à última semana de dezembro, com exceção do preço pago por tonelada.

Segundo o analista de SAFRAS & Mercado, Fernando Iglesias, a carne suína brasileira está muito competitiva no mercado externo devido à desvalorização do Real, o que afeta também nos números do preço pago por tonelada.

"Entretanto, os volumes comercializados são muito bons, já que a China está trabalhando nos estoques da proteína suína para a comemoração do Ano Novo Lunar", explicou.

O faturamento por média diária na primeira semana de janeiro foi de US$ 9..903,808, quantia 43,06% maior do que janeiro de 2020. No comparativo com a semana anterior, houve aumento de 24,86%.

No caso das toneladas por média diária, foram 4.250,511, avanço de 57,89% no comparativo com o mesmo mês de 2020. Quando comparado ao resultado no quesito da semana anterior, observa-se alta de 29,43%.

Já o preço pago por tonelada, US$ 2.330,027 nos cinco primeiros dias úteis do mês, é 9,39% inferior ao praticado em janeiro passado. O resultado, frente ao valor praticado na semana anterior, representa queda de 3,52%

A receita obtida com as exportações de carne suína nos cinco dias úteis de janeiro, US$ 49.519,041, representa 32,5% do montante obtido em todo o mês de janeiro de 2020. No caso do volume embarcado, as 21.252,559 toneladas são 35,88% do total exportado em dezembro do ano passado.

Fonte: Notícias Agrícolas

Veja também

Exportações catarinenses de carne suína para China crescem 116% no ano13/03/20 Desde o início do ano, Santa Catarina enviou 38,6 mil toneladas de carne suína para a China, um crescimento de 116,4% em relação ao primeiro bimestre de 2019, informou a Secretaria de Estado da Agricultura, da Pesca e do Desenvolvimento Rural de SC na sexta-feira (06). China e Hong Kong responderam por 68,2% das receitas catarinenses com exportação de carne suína......

Voltar para Notícias (pt)